28 setembro 2010

ja se senta

A Laurinha consegue sentar-se sozinha desde ontem. Ja nao precisa de chamar por mim, irritada e frustrada porque nao aguenta mais estar deitada... Gatinhar esta quase quase. Nao e rapida na parte fisica, mas eu nao a estimulo muito- ja sei que em breve vou andar a correr atras dela, e terei de por barreiras nas escadas. Nao tenhas pressa de crescer, bebe...

26 setembro 2010

18 meses depois

A Laurinha comecou a recusar a mama poucos dias depois de fazer 8 meses. Ja so mamava de manha mesmo a serio, a noite era um miminho e quando estava cansada tambem procurava mas so como consolo. Mordeu-me umas vezes, e acabou mesmo por chorar quando lhe propus o peito para o pequeno almoco. OK. Ja percebi, pequena. A mana fez o mesmo, aos 6 meses e meio. Levantei-me e fui fazer-lhe um biberon. Nao fiquei muito triste, de qualquer modo ja estava a espera que acontecesse assim, e em breve. Pena so que agora ja nao vou poder comer tudo o que me apetecer- engordei 5 kg desde Maio, eu, que estava preocupada que o meu peso nao parava de descer...

E o meu corpo recebeu a mensagem, duas semanas depois o meu 'amigo' de todos os meses voltou. Irra, que um bocadinho menos de prontidao nao teria sido mal vista...

25 setembro 2010

vivas

Estamos bem, so mesmo com uma cronica falta de tempo. Desculpem-nos, alem de tudo o resto, tambem a desculpa esfarrapada...

Entre ferias nos sogros e em Lisboa, passou-se o mes de Agosto. O pai ficou por ca, a trabalhar, e eu fui com as duas miudas. Nos sogros pude descansar imenso, e as miudas adoraram apesar do tempo menos bom. Em Portugal o tempo esteve uma maravilha, e nao falhamos muitos encontros. Fomos a praia e tiramos barriga de miserias- praia, pasteis de nata e muito sol, beijinhos e abracos amigos e tudo o que tivemos direito.

A Laurinha cresceu imenso e vou arrepender-me tanto de nao registar aqui as suas pequenas conquistas... Diz que e a tal cronica falta de tempo. A Alice esta uma menina crescida, muito senhora do seu nariz e andamos um bocado as turras por causa disso. Eu estou razoavel, apesar de nao ter um diagnostico ainda ja fiz os exames e ja vi o medico outra vez. Vou comecar com o antibiotico, e se nao funcionar ate ja ha plano B. E fiquei mais velhinha tambem, 36 velinhas. Sempre mais proxima dos 'entas'...

Estou de volta. Acho...

PS: Nao se admirem se aparecerem por aqui uns posts pos-datados. E batota, eu sei, mas e mesmo so para me lembrar quando foi exactamente...

09 setembro 2010

oito- como?!!!!

E oito meses depois de teres chegado as nossas vidas, estas com 10380g e (medida por mim) 75 cm. Vestes roupa para 18 meses, e ja ninguem te para desde que aprendeste (finalmente!!!) a rebolar nos dois sentidos e dominas a arte do sentar com flexibilidade de contorcionista. Poes-te em pe so agarrada a mim, mas comecas timidamente a por-te de joelhos agarrada as grades ou moveis. De ha uns tempos para ca tentas gatinhar com muita persistencia, mas uma das pernas ainda fica presa e atrapalha tudo- quando finalmente a consegues soltar pesa-te o rabo. Es uma fala-barato como a tua irma, e em alto volume tambem. Comes bolachas e codeas de pao, e ja aceitas comida que nao esteja completamente passada sem te engasgares.

Es uma querida sorridente e bisbilhoteira e metes-te com toda a gente. Como ainda tens pouco cabelo e nem sempre te visto de cor-de-rosa, quase sempre acham que es um rapazolas. Es a minha queridinha loirinha de olhos cor de burro quando foge (ainda indefinida, mas ca para mim sao verde azeitona).

(fotos retiradas)